Lnove Notícias - A notícia exata do Maranhão

Terça-feira, 27 de Fevereiro de 2024
MENU

Notícias / Política

Juscelino Filho rompe com tio e prepara assessor para disputar prefeitura de Vitorino Freire - MA

O ex-deputado estadual Stenio Rezende é irmão de Juscelino Rezende, pai do ministro das Comunicações disse ter recebido a decisão com muita surpresa.

Juscelino Filho rompe com tio e prepara assessor para disputar prefeitura de Vitorino Freire - MA
A-
A+
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.
enviando

O ministro das Comunicações, Juscelino Filho, rompeu com parte da família para colocar em prática um plano para as eleições municipais do ano que vem, indicando a candidatura do seu ex-assessor parlamentar, Ademar Magalhães, a prefeitura de Vitorino Freire - MA, comandada hoje em dois mandatos, pela sua irmã Luanna Rezende (União Brasil).

A briga familiar em torno do plano do ministro, foi encarada pelo tio Stenio Rezende, como ditatorial, já que decisões políticas como esta sempre foi discutida pelo grupo político que a família pertence. Stenio é ex-deputado estadual e irmão de Juscelino Rezende, pai do ministro das Comunicações e da prefeita Luanna.

"Nos meus 30 anos de experiência política, nunca passei por uma situação delicada como essa. Embora tenha o respaldo de 12 dos meus 13 irmãos, recebi —com surpresa— a notícia sobre a decisão, por parte dos meus sobrinhos [prefeita Luana e o ministro Juscelino Filho], de indicar o seu funcionário Fogoió como candidato à sucessão municipal em Vitorino Freire" - afirmou Stenio, em nota.

O apoio do grupo de Juscelino também era disputado por Stenio que agora diante do embrolho familiar, resolveu fazer críticas públicas aos sobrinhos. Em nota, o Ministério das Comunicações do governo Lula disse que "não se manifestará sobre questões afetas às eleições de 2024".

Conhecido como Fogoió, Magalhães que será o candidato a prefeito de Juscelino, é pai da advogada Anne Jakelyne Magalhães. Ela foi sócia até 2018 da Arco Construções, empresa que a Polícia Federal diz pertencer a Juscelino e ter sido usada para desviar recursos de emendas parlamentares. Ele nega.

Magalhães e sua esposa, Suedemir de Jesus, além de Anne Jakelyne, trabalharam no gabinete de Juscelino na Câmara dos Deputados.

 

Créditos (Imagem de capa): Juscelino e o tio Stênio - Foto Montagem: Lnove

Comentários:

Crie sua conta e confira as vantagens do Portal

Você pode ler matérias exclusivas, anunciar classificados e muito mais!